Notícias

“Uma carreira extraordinária: fonte de inspiração para jovens médicos e docentes” foi o tema da Reunião Intramuros Especial da Unidade de Endocrinologia do Desenvolvimento, da disciplina de endocrinologia da FMUSP, que homenageou a Profa. Dra. Angelita Harb-Gama. Colegas, estudantes, familiares e admiradores compareceram em massa à solenidade, realizada no teatro da FMUSP, no dia 13/09.

Com apresentação do Prof. Dr. José Luiz Chambô, titular da disciplina de Urologia do HC-FMUSP, a professora recebeu homenagens do diretor da FMUSP, Prof. Dr. Jose Otavio Costa Auler Junior, e também de diversos convidados que se manifestaram da plateia recordando episódios marcantes que inspiraram suas carreiras.

Referência em seu campo de atuação e uma das mais renomadas cirurgiãs da história da medicina brasileira, a homenageada mostrou passagens de sua vida ao mesmo tempo em que celebrou outras mulheres, também destacadas pioneiras na área médica.   

Com Graduação, Doutorado e Livre Docência para FMUSP, especializou-se em coloproctologia na Inglaterra, no St’ Marks Hospital, em Londres. Responsável por introduzir a colonoscopia no Brasil e trazer o primeiro endoscópio ao país, também criou a disciplina de Coloproctologia no HC-FMUSP.

Membro honorária de diversas sociedades médicas, foi a primeira mulher a receber esse título na centenária sociedade científica American Surgical Association. Presidiu a International Society of University Colon and Rectal Surgeons, do Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva, da Sociedade Brasileira de Coloproctologia e da Sociedade Latinoamericana de Coloproctologia. Fundou e preside desde 2004 a Associação Brasileira de Prevenção do Câncer de Intestino (ABRAPRECI).

É detentora de inúmeras homenagens e honrarias, dentre as quais se incluem o “Mérito Santos-Dumont”, concedido pelo Governo do Estado de Minas Gerais, e a “Medalha do Pacificador”, do Ministério do Exército do Brasil, concedida em 1998 pelo Presidente Fernando Henrique Cardoso. Recebeu também o Prêmio Medicina 2010 da Fundação Conrado Wessel e o Prêmio Professor Emérito 2011 do Centro de Integração Empresa-Escola e Jornal O Estado de São Paulo.

Sua destacada produção acadêmica conta com 51 prêmios científicos pela prolífera produção e participação em congressos, tendo editado 15 livros científicos e publicado 273 artigos em periódicos.